Armado com faca, homem se tranca em banheiro com filho e faz ameaças

Uma ocorrência que teve início com violência doméstica, gerou grande tensão na cidade de Araruna, na madrugada desta segunda-feira (02). Após agredir a mulher com socos a ponto de causar hematomas no olho da vítima, o agressor foi para a casa de sua mãe levando o filho de 1 ano e quatro meses.

No entanto, após ser denunciado pela esposa, a Polícia Militar foi até o endereço e ele se trancou em um banheiro, armado com uma faca e levando junto o filho menor. O homem dizia que preferia se matar para não voltar para a cadeia, o rapaz se manteve fechado no banheiro com a criança por algum tempo, gerando grande tensão aos familiares.

Os policiais solicitaram apoio ao 11º Batalhão da Polícia Militar de Campo Mourão, enquanto tentavam dialogar, no intuito de que ele abrisse a porta e entregasse a criança. Um cerco foi feito no local enquanto seguiam as tentativas de negociação com o rapaz que estava bastante alterado.

Após algum tempo, convencido pela companheira, ele acabou liberando a criança em segurança para a equipe policial. No entanto, o agressor insistia que se a polícia invadisse o local, ele tentaria contra a própria vida.

Passado mais algum tempo de negociação, o Soldado Abner obteve êxito e o convenceu a entregar a faca. Na sequência, mais calmo e sem esboçar nenhum tipo de reação, ele saiu e se entregou. Já com o apoio das equipes de Campo Mourão, ele foi algemado e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Peabiru, para as medidas cabíveis.

(Fonte – Jornal Enfoque Regional)

Compartilhe!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*