Homem, que matou a esposa com golpes de machado, morre no hospital

Um homem, de 59 anos, que matou a esposa com golpes de machado, no dia 7 de dezembro do ano passado, na Rua Santos Dumont, em Campo Mourão, também morreu nesta segunda-feira (18), no Hospital Santa Casa. Ele estava internado porque após matar a esposa, de 56 anos, usou uma faca para tirar a própria vida.
Gravemente ferido, foi hospitalizado, mas não resistiu e morreu nesta segunda-feira. A mulher levou golpes na região do pescoço e peito.
O crime ocorreu na residência do casal, localizada na rua Santos Dumont, entre as avenidas Guilherme de Paula Xavier e a Comendador Norberto Marcondes, próximo ao colégio Unidade Polo.
Conforme as informações, o homem teve um ataque de fúria, após a mulher pedir a separação, já que ele bebia e não aceitava o pedido dela para abandonar o vício. Uma mulher que trabalha na casa como cuidadora do pai de Sueli ainda tentou intervir, mas também foi atacada pelo agressor. Ela correu e escapou da morte.

(Fonte – www.tasabendo.com.br)

Compartilhe!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*