Agrotóxicos apreendidos causam incômodo na delegacia

Foto: Goionews

Desde a primeira quinzena de fevereiro, o odor de uma expressiva quantidade de agrotóxicos, apreendida em uma propriedade rural, incomoda o expediente na delegacia de Goioerê.

A origem dos produtos, avaliados em R$ 500 mil, ainda é incerta. O transtorno é tamanho que motivou uma reunião entre o delegado Anderson Romão e o promotor José Paulo Montesino. Uma alternativa seria deixar o lote em uma empresa do ramo, até que seja dada a destinação final.

Segundo os servidores, o ambiente é insalubre e a sensação de mal estar constante. A polícia aguarda o resultado da análise dos produtos, que pode indicar falsificação, para aprofundar as investigações.

(Goionews)

Compartilhe!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*